Paraná

Você sabia que cada paranaense consome 44 quilos de pão por ano?

O brasileiro não abre mão do pão. Anualmente, a média de consumo no país tem sido de 34 quilos por pessoa ao ano, enquanto no Paraná esse índice sobe pra 44 quilos. Pro presidente do Sindicato da Indústria de Panificação e Confeitaria do Paraná (SIPCEP), Vilson Felipe Borgmann, isso demonstra como o simples “pãozinho” francês, que é responsável por 30% das vendas das padarias e panificadoras, se mantém um sucesso.

“O pão é o primeiro alimento do dia, que nos fornecerá energia suficiente pras atividades até a hora do almoço. Extremamente simples de consumir e saboroso, é um elemento tradicional dentro de qualquer casa”, afirma.

Com grande parte das padarias e panificadoras composta por micro e pequenas empresas, a tradição de fabricar o pão de cada dia tem passado de pai pra filho. “A maioria das empresas do setor são geridas por uma família, que distribuí as funções entre os parentes. É uma maneira de sobreviver, pois temos observado que, apesar do consumo de pães se manter estável nos últimos dez anos, a população aumentou. Isso significa que proporcionalmente o consumo está reduzindo”, avalia.

No dia em comemoração a este alimento, diversas panificadoras da cidade participam de um protesto contra a alta carga tributária imposta no pão. Os estabelecimentos venderão, apenas nesta sexa-feira, o produto sem o imposto.Veja a lista das panificadoras aqui!

 

 

PrOn

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Aécio Novitski

Idealizador do Site Araucária no Ar, Jornalista (MTB 0009108-PR), Repórter Cinematográfico e Fotógrafico licenciado pelo Sindijor e Fenaj sobre o número 009108 TRT-PR

Leia também

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.