Paraná

Um ano depois, casal de adolescentes volta a fugir e deixa famílias desesperadas

Um ano após terem deixado suas famílias desesperadas com o desaparecimento, um casal de adolescentes voltou a fugir de casa no último dia 6 e, até este domingo (11), não deu nenhuma informação sobre o paradeiro. Bruno dos Santos Pinto, de 16 anos, e Larissa Walesko Guedes, de 13, haviam fugido em novembro do ano passado, mas voltaram a se encontrar na escola. As famílias moram no bairro Cajuru e desta vez ninguém viu para onde eles podem ter ido.

Segundo o pai de Bruno, Ezequias Pinto, eles continuaram namorando por um período, mas as famílias decidiram proibir o relacionamento recentemente. “Eles estavam estudando normal, meu filho falava que não estava mais com ela e agora isso. Até o momento não temos nenhum contato”, disse.

No momento da fuga, a mãe de Bruno chegou a arrancar uma camiseta dele para tentar impedir.

Ezequias conta que ambos relataram no ano passado que teriam passado os dias andando de ônibus, indo de um terminal a outro. Um ouvinte da Banda B chegou a relatar ter visto eles no bairro Alto da XV, o que ajudou na investigação.

Desta vez, a fuga aconteceu após ambos terem ido para a escola. O Sistema de Desaparecidos do Paraná aponta que ambos usavam uniforme.

O sumiço dos adolescentes está sendo investigado pela Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). Quem tiver mais informações pode ligar para a Polícia Militar, no 190, ou na DHPP pelo 3360-1400.

 

BandaB

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Aécio Novitski

Idealizador do Site Araucária no Ar, Jornalista (MTB 0009108-PR), Repórter Cinematográfico e Fotógrafico licenciado pelo Sindijor e Fenaj sobre o número 009108 TRT-PR

Leia também

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.