Paraná

Saiba o que muda a partir de 4ª feira com novo decreto para enfrentar a covid no Paraná

partir da próxima quarta-feira (10), passa a valer no Paraná o novo decreto do Governo  para a retomada das atividades não essenciais e das aulas presenciais. Segundo anunciou o governador Ratinho Junior, o atual decreto com restrições vale até esta terça-feira (9). Na quarta, haverá novos regramentos. vigente será ampliado por mais dois dias, mas a partir de quarta-feira novos regramentos passam a valer.

Por uma semana, de quarta-feira (10) até 17 de março, o decreto prevê flexibilização de serviços e outras mudanças.

  • Serviços não essenciais: poderão abrir novamente mas devem fechar no fim de semana dos dias 13 e 14;
    Comércio de rua e galerias e outros estabelecimentos de serviços não essenciais: podem abrir em cidades com mais de 50 mil habitantes, das 10h às 17h, de segunda à sexta-feira, com limitação de 50% da capacidade;
  • Aulas presenciais: escolas e universidades particulares, em modelo híbrido, podem voltar às aulas a partir de quarta-feira (10). Na rede pública, o retorno está previsto para a segunda-feira (15). A taxa de ocupação das salas de aula não pode ultrapassar 30% da capacidade;
  • Academias: podem voltar a atender, das 6h às 20h, de segunda à sexta-feira, com limite de 30% de ocupação;
  • Shoppings: podem reabrir, das 11h às 20h, de segunda à sexta-feira, com limite de 50% da capacidade;
  • Restaurantes, bares e lanchonetes: podem atender entre 10h e 20h, de segunda a sexta-feira, com limite de capacidade de 50%. Podem atender 24h e aos fins de semana por modalidade de entrega;
  • Igrejas e atividades religiosas: podem funcionar com até 15% da capacidade;
  • Atividades com aglomeração – cinemas, eventos, museus, festas, reuniões com aglomeração, confraternizações familiares ou de empresas, reuniões, casas de shows e eventos, parques infantis: continuam suspensos;
  • Atividades essenciais como farmácias, supermercados, clínicas médicas: continuam liberadas;
  • Toque de recolher das 20h às 5h e proibição da venda de bebidas alcoólicas neste horário: continuam proibidos.

As restrições, que venceriam às 5 horas de segunda-feira (08), ficam estendida até as 5 horas de quarta-feira (10). Após essa data, este novo decreto começa a vigorar.

Segundo o governador Ratinho Junior, o principal objetivo da medida é diluir a ocupação no transporte público das cidades com mais de 50 mil habitantes.

“Não tenho medo de tomar decisões difíceis. Optamos por aquilo que é melhor para maioria da população paranaense neste momento. É a maior crise de saúde pública que atravessamos nos últimos 100 anos. O objetivo é não deixar ninguém para trás”, afirmou o governador Carlos Massa Ratinho Junior.

Banda B

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Ivone Souza - Redação

Ivone Souza é jornalista graduada pelo Centro Universitário Internacional Uninter. Foi repórter e produtora de conteúdos do Portal Mediação, redatora do site Uninter Notícias, escritora e cronista. Curte teatro, uma boa leitura e é apaixonada por viagens e fotografia.

Leia também

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.