Brasil

Receita abre consulta ao 1º lote de restituição do IR

leaoA Receita Federal anunciou nesta quarta-feira (3) que a consulta ao primeiro lote da restituição do Importo de Renda sobre a Pessoa Física (IRPF) de 2015 estará disponível a partir das 9h da próxima segunda-feira (8). Segundo o órgão, o lote -que prioriza idosos e pessoas com deficiência- contempla 1.495.850 contribuintes, totalizando cerca de R$ 2,3 bilhões. O pagamento será realizado no dia 15 de junho. Nesse lote, o crédito terá correção de 1,99% em relação ao montante que consta da declaração de Imposto de Renda dos contribuintes, referente à Selic do período. O lote de restituição sobre o IR também contempla declarações dos exercícios de 2008 a 2014. Para consultar se a declaração foi liberada, o contribuinte deverá acessar a página da Receita Federal na internet ou ligar para o telefone da Receita (146). De acordo com o órgão, a restituição ficará disponível durante um ano. Caso o contribuinte não realizar o resgate nesse prazo, deverá pedir, via requerimento, na internet ou diretamente no e-CAC. Se o valor não for creditado, o contribuinte poderá contatar pessoalmente qualquer agência do Banco do Brasil ou ligar para a Central de Atendimento por meio do telefone 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos) para agendar o crédito em conta-corrente ou poupança, em seu nome, em qualquer banco.

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Aécio Novitski

Idealizador do Site Araucária no Ar, Jornalista (MTB 0009108-PR), Repórter Cinematográfico e Fotógrafico licenciado pelo Sindijor e Fenaj sobre o número 009108 TRT-PR

Leia também

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.