Educação

Professores de Quatro Barras têm contratos suspensos e ficam sem salários até volta das atividades escolares

Cerca de 20 professores da rede municipal de Quatro Barras, na Região Metropolitana de Curitiba, terão os contratos suspensos a partir desta terça-feira (12) e ficarão sem receber salários até que a volta das atividades letivas seja autorizada. De acordo com o prefeito Angelo Andreatta (Lara), os profissionais foram contratos em regime PSS e devem ser substituídos por educadores concursados.

“Nós estamos em um momento difícil para todos e estamos cumprindo aquilo que determina o Tribunal de Contas, dando preferência ao concursado e assim aos poucos substituindo o contrato temporário. Como temos um concurso público válido, homologado, eu sou obrigado a dar preferência aos concursados”, explica o prefeito.

Um dos professores que teve o contrato suspenso, e preferiu não se identificar, procurou a reportagem e disse não saber como vai pagar suas contas básicas nesse período. “Questionei a secretária da educação sobre como fica as contas básicas destes profissionais. Simplesmente não fui respondido. Eu fui um dos professores que foram prejudicados e tenho outros colegas que também estão indignados com essa situação”, disse ele.

O Processo Seletivo Simplificado – PSS é destinado a selecionar profissionais para atender ao suprimento temporário de professores e funcionários das escolas na rede municipal de ensino.

Banda B

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Ivone Souza - Redação

Ivone Souza é jornalista graduanda pelo Centro Universitário Internacional Uninter. Foi repórter e produtora de conteúdos do Portal Mediação, redatora do site Uninter Notícias, escritora e cronista. Curte teatro, uma boa leitura e é apaixonada por viagens e fotografia.

Leia também

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.