Araucária

Preço da gasolina assusta, mas Sindicombustíveis diz que não é culpa do empresário

O fim da greve dos caminhoneiros, que conseguiram reajuste de R$ 0,46 no diesel, além de outros benefícios, trouxe à tona um aumento no preço da gasolina, que em média está sendo revendida por R$ 4,49 o litro em Curitiba e região. Em nota, o Sindicombustíveis-PR informou que a culpa é não é dos empresários, mas dos constantes aumentos do preço do combustível nas refinarias, promovidos pela Petrobrás.

Confira a nota enviada pelo sindicato:

“O mercado de combustíveis é regido pela livre concorrência e o sindicato não define ou regula preços, o que faz com que cada caso deva ser analisado em separado. Mas quando se fala em aumentos na gasolina, é importante avaliar estes fatores, de amplo conhecimento no mercado:

– A Petrobras realizou novos aumento de preço nas refinarias na semana passada;

– Nos últimos dias ocorreu grande alta no etanol. E a gasolina comum vendida no Brasil leva 27% de etanol na mistura;

– Distribuidoras aumentaram preços; Lembramos mais uma vez que postos compram das distribuidoras, e não das refinarias.

Não é justo, portanto, transferir aos postos a responsabilidade pelos aumentos sem analisar estes pontos.

Diesel

Na mesma nota, o Sindicombustíveis criticou o Governo Federal por uma possível falta de conhecimento na portaria editada que garante o desconto de R$ 0,46 no diesel.

Confira a nota:

O governo federal mais uma vez demonstrou incompetência e falta de conhecimento para atuar no mercado de combustíveis.

A portaria editada pelo governo omite informações sobre o caso da redução no preço do diesel não ser repassada pelas distribuidoras aos postos. Como os postos não compram diretamente das refinarias, e sim das distribuidoras, entendemos que esta omissão é gravíssima.

Diante disso, o Sindicombustíveis-PR orientou os postos a repassarem os descontos recebidos e, no caso de não receberem as reduções ou receberem parcialmente, denunciarem as distribuidoras para os órgãos fiscalizadores.

Como muitas distribuidoras não repassaram o desconto de forma integral, é importante avaliar cada caso, para que imprensa, consumidores e governantes não responsabilizem um posto de forma indevida.

 

 

BANDAB

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Aécio Novitski

Idealizador do Site Araucária no Ar, Jornalista (MTB 0009108-PR), Repórter Cinematográfico e Fotógrafico licenciado pelo Sindijor e Fenaj sobre o número 009108 TRT-PR

Leia também

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.