AraucáriaPolícia

Polícia Civil prende 5 pessoas suspeitas de fabricar e vender de forma clandestina “álcool gel”; duas delas em Araucária

Nesta terça-feira (24), a Polícia Civil do Paraná prendeu cinco pessoas suspeitas de fabricar e vender de forma clandestina “álcool gel”. Três pessoas foram presas em Curitiba e outras duas em Araucária, no barracão onde ocorria a fabricação clandestina. A Vigilância Sanitária de Araucária interditou temporariamente o barracão, que fica na Avenida Independência, e o responsável pela empresa pode receber advertência, multa, interdição temporária ou definitiva do local. Da parte policial, os acusados podem ser condenados a até 15 anos de prisão. O suposto álcool gel produzido clandestinamente pode não ter a eficiência desejada, pois não passou pelo devido processo de fabricação e controle de qualidade.

Conforme informações da Polícia Civil, em Curitiba forma apreendidos 50 frascos desse produto fabricado de maneira clandestina e no barracão havia dezenas de toneis, insumos para fabricação de “álcool gel”, etiquetas e outros equipamentos para produção. Entre os crimes previstos neste caso estão: estelionato, falsificação, corrupção e adulteração ou alteração de produto destinado a fins terapêuticos ou medicinais.

COMPLEMENTO – O uso do álcool gel (o verdadeiro!) não substitui a necessidade de lavar corretamente as mãos com água e sabão; prática que é considerada a mais eficiente para evitar o novo Coronavírus e diversos problemas de saúde. Assim, o álcool gel é apenas um complemento para melhorar a higienização das mãos (e ainda se utilizado corretamente!).

A Secretaria Municipal de Saúde de Araucária alerta que o uso de produtos falsificados expõe as pessoas a correr risco de saúde. Neste período em que as pessoas estão preocupadas com o novo Coronavírus, é preciso tomar cuidado redobrado, porque há pessoas que buscam ganhar dinheiro com o pânico dos outros. Fique em casa e lave as mãos com frequência. Isso não tem erro.


Com informações da Polícia Civil do Paraná.

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Ivone Souza - Redação

Ivone Souza é jornalista graduanda pelo Centro Universitário Internacional Uninter. Foi repórter e produtora de conteúdos do Portal Mediação, redatora do site Uninter Notícias, escritora e cronista. Curte teatro, uma boa leitura e é apaixonada por viagens e fotografia.

Leia também

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.