Paraná

Pai mata filhas de três e cinco anos, se enforca e filma tudo em Pinhais

Uma tragédia choca os moradores de Pinhais, na região metropolitana de Curitiba. Gilson Luiz Scholles, de 43 anos, matou as filhas de três e cinco anos enforcadas e depois se tirou a própria vida, na noite deste domingo (18), na Rua Rui Barbosa, no bairro Vargem Grande. Segundo a Polícia Militar (PM), o suspeito filmou toda a ação utilizando o notebook.

As imagens foram vistas por policiais militares e também guardas municipais que se mostraram chocados. Ainda de acordo com a PM, no último dia 6, a mãe das meninas fez um Boletim de Ocorrência contra Scholles por ameaças e estava proibido de ver as crianças por meio de uma medida protetiva, mas elas estavam com o pai neste domingo (18). Ainda não se sabe se ele as sequestrou ou se a mãe permitiu a ida à casa do assassino.

Primeiro, o homem matou a filha de três anos enforcada, em seguida fez o mesmo com a de cinco anos. Após o crime bárbaro, manteve a câmera do notebook ligada e se matou com uma corda em uma garagem, também por enforcamento. Durante o dia nenhum barulho foi ouvido vindo da casa de Scholles, o que não levantou a suspeita por parte de vizinhos.

O caso deixa todos em choque. O inquérito está sendo realizado na Delegacia de Pinhais. O comentário no local era de que será uma mera formalidade, já que nada poderá ser feito para amenizar a tragédfia.

Reincidente

Scholles já esteve preso em 2003, após matar um cunhado de 44 anos. Ele foi preso, mas acabou internado em uma clínica psiquiátrica, alegando depressão e tendências suicidas.

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Aécio Novitski

Idealizador do Site Araucária no Ar, Jornalista (MTB 0009108-PR), Repórter Cinematográfico e Fotógrafico licenciado pelo Sindijor e Fenaj sobre o número 009108 TRT-PR

Leia também

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.