Araucária

Número de pacientes em tratamento da covid-19 teve queda nos últimos 15 dias em Araucária

O número de araucarienses em tratamento contra a covid-19 tem registrado uma queda gradativa nos últimos 15 dias. De acordo com o último Boletim Epidemiológico da Secretaria Municipal de Saúde (SMSA), a quantidade de infectados ativos na cidade é de 812 pessoas. Esse número está abaixo de mil desde o dia 18 de janeiro e vem caindo significativamente desde o início do ano.

A última vez que Araucária registrou menos de mil casos ativos foi no início do mês de novembro com 966 doentes. Depois desse período, os casos aumentaram consideravelmente e no dia 09 de dezembro de 2020 a cidade atingiu o pico da pandemia chegando a 2.012 pacientes em tratamento.

Além da diminuição dos infectados ativos, também houve uma queda no número de atendimentos no CECC (Centro Especial de Combate ao Coronavírus) agora em janeiro. Para se ter uma ideia, no dia 24 foram somente 83 atendimentos e 65 coletas de exames para detecção do vírus. “Ao longo desta pandemia já tivemos vários dias consecutivos com mais de 400 atendimentos e todos os nossos leitos ocupados”, exemplifica a coordenadora do Centro, Maria José Ribeiro. Na data de hoje (28), o CECC tem apenas três leitos ocupados e 17 disponíveis.

O médico e diretor técnico do Centro, Régis Szeliga atribui essa queda gradativa de casos às medidas de isolamento mais restritivas. “No final do ano foram adotados alguns procedimentos mais restritivos de isolamento e isso está repercutindo agora. Além disso, existe uma maior conscientização por parte da população que, cada vez mais, tem percebido o quanto essa doença é perigosa”, pontua.

Ao ser questionado sobre uma possível relação dessa diminuição dos casos com o início da vacinação, Szeliga afirma que os efeitos da imunização só serão sentidos a médio prazo. “Não podemos atribuir essa queda com a vacinação, ainda é cedo. Isso se dará somente daqui a alguns meses. Por isso, é fundamental que a população continue se cuidando, usando máscara, álcool em gel, higienizando as mãos e respeitando o isolamento”, destaca o médico.

Mortes

Apesar dos registros apresentarem menos pacientes em tratamento da covid-19, o número de mortes causadas pela doença segue aumentando: até o momento, em janeiro já foram 28 óbitos. Número superior ao mês de dezembro que registrou 25 mortes. “Estamos bastante apreensivos com a possibilidade dos novos subtipos da covid-19 causarem um novo aumento significativo do número de casos e talvez da gravidade. Então, nunca é demais reforçar: cuidem-se”, ressalta o diretor técnico do CECC.

SCMS Araucária

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Ivone Souza - Redação

Ivone Souza é jornalista graduada pelo Centro Universitário Internacional Uninter. Foi repórter e produtora de conteúdos do Portal Mediação, redatora do site Uninter Notícias, escritora e cronista. Curte teatro, uma boa leitura e é apaixonada por viagens e fotografia.

Leia também

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.