Curitiba

Mesmo com a pandemia, Curitiba teve saldo positivo de empregos

Curitiba encerrou 2020 com saldo positivo no emprego com carteira assinada, apesar da pandemia de covid-19. Dados divulgados nesta quinta-feira (28/01) pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério da Economia mostram que o mercado de trabalho formal na capital mais contratou do que demitiu no ano passado, com um saldo de 2.928 vagas. O resultado é a diferença entre admitidos (346.047) e demitidos (343.119) de janeiro a dezembro.

O saldo positivo consolida a retomada do emprego em Curitiba, depois de um impacto forte da pandemia na economia e no emprego formal em todo o País.

Em Curitiba, o maior reflexo da pandemia no mercado de trabalho se deu entre março e maio do ano passado, com um saldo negativo acumulado de 40.559.  Só foi possível fechar o ano no azul porque o emprego começou a dar sinais de retomada em meados do ano.

“Esses números reforçam o movimento de recuperação econômica da cidade do impacto da pandemia de covid-19. Estamos nos esforçando para fazer a cidade voltar a crescer, demos apoio ao setor produtivo, com um plano de retomada, sem descuidar da questão da saúde. Ainda há muito que fazer e desafios a enfrentar, mas os dados mostram que estamos no caminho certo. Deveremos ter um 2021 melhor”, disse o prefeito Rafael Greca.

Os setores da construção civil e de serviços foram os que puxaram a retomada, com saldos de 4.570 e 1.357 empregos respectivamente no acumulado do ano. A indústria encerrou o ano com 236 novas vagas e o comércio fechou no negativo, com 3.241 vagas.

Entre as funções que mais tiveram contratações estão trabalho na produção de bens e serviços industriais, com 9.284 vagas; seguido por técnicos de nível médio, com 1.466, e trabalhadores de serviços administrativos, com 1.126.

Além das medidas de apoio ao setor produtivo, a qualificação profissional teve papel de destaque para a ocupação de vagas mesmo em um período de retração da economia.   O programa Liceus de Ofícios, referência para as pessoas que buscam especialização ou uma oportunidade de entrar no mundo do trabalho, foi fortalecido nos últimos quatro anos. Desde 2017, ofereceu quase 79 mil vagas.

A cada ano, foram 150 diferentes cursos profissionalizantes gratuitos, como informática básica, manutenção de computadores, Libras. Além disso, as dez agências do SINE foram modernizadas e criada a central de vagas, que aproximou empregador e futuro empregado.

SCMS Curitiba

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Ivone Souza - Redação

Ivone Souza é jornalista graduada pelo Centro Universitário Internacional Uninter. Foi repórter e produtora de conteúdos do Portal Mediação, redatora do site Uninter Notícias, escritora e cronista. Curte teatro, uma boa leitura e é apaixonada por viagens e fotografia.

Leia também

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.