Brasil

Justiça decreta prisão de Giba por não pagamento de pensão alimentícia

Ídolo do vôlei brasileiro, Giba teve a prisão decretada pelo não pagamento de pensão alimentícia aos seus filhos com a também ex-jogadora de vôlei, Cristina Pirv. O ex-ponteiro teve prisão de 60 dias decretada em 9 de fevereiro, mas obteve uma liminar para suspender a decisão até a realização de uma audiência.

De acordo com a Folha de São Paulo, a dívida de Giba chega a aproximadamente dez meses de pensão, mas ele alega não ter como pagar os valores estabelecidos pela Justiça. O jogador, inclusive, luta há meses nos tribunais para diminuir o montante dado mensalmente aos filhos e atualmente só está pagando parte da pensão.

Confira a matéria completa clicando aqui.

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Aécio Novitski

Idealizador do Site Araucária no Ar, Jornalista (MTB 0009108-PR), Repórter Cinematográfico e Fotógrafico licenciado pelo Sindijor e Fenaj sobre o número 009108 TRT-PR

Leia também

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.