Paraná

Homem que fingia ser diretor da Globo é preso em Curitiba

GLOBO-DENTRO

Policiais civis da Delegacia de Estelionato e Desvio de Cargas (DEDC) prenderam em flagrante, na manhã desta quinta-feira (5), um golpista que se fazia passar por diretor do núcleo de teledramaturgia da Rede Globo e iludia as pessoas que sonham em ser atores e atrizes globais. Marcelo Hidalgo Silva Alvin, 42 anos, foi preso por estelionato e uso de documento falso em uma casa no Bairro Alto, em Curitiba. Esta mesma casa era usada pelo golpista para a concretização das fraudes.

Segundo delegado-titular da DEDC, Wallace de Oliveira Brito, Alvin tinha crachás, holerites, contratos e outros documentos falsos que comprovariam que ele era o funcionário da Globo responsável pela seleção de atores e figurantes para participação em telenovelas, minisséries, programas de auditório, reality shows e até em um programa especial que, segundo o golpista, seria produzido somente para transmissão no Paraná.

“Ele dizia selecionar uma pessoa e que iria contratá-la, mas para isso ela teria que pagar custas como a confecção de crachás e outras despesas como cursos pré-admissionais”, contou o delegado.

Para dar mais veracidade aos golpes, Alvin expedia para as vítimas crachás com logotipo e código de barras da emissora e até documentos da Delegacia Regional do Trabalho. “Tudo fraudado, é claro. Somente uma das vítimas chegou a pagar R$ 15 mil para o golpista, acreditando que seria chamada para participar de uma produção global”, explicou Brito.

 

BandaB

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Aécio Novitski

Idealizador do Site Araucária no Ar, Jornalista (MTB 0009108-PR), Repórter Cinematográfico e Fotógrafico licenciado pelo Sindijor e Fenaj sobre o número 009108 TRT-PR

Leia também

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.