Paraná

Homem que agredia mulher a paulada é morto a tiros por justiceiro

Um homem que agredia uma mulher a pauladas foi morto a tiros na noite desta quinta-feira (31), no bairro São José, em Almirante Tamandaré, na região metropolitana de Curitiba. Sem identificação oficial, o homem com cerca de 45 anos já tinha passagem pelo sistema prisional e teria partido para cima da mulher, quando ela passou a defender os filhos – alvos de uma confusão anterior.

De acordo com testemunhas, o agressor teria ido até a casa de dois jovens para tomar satisfação. Houve agressões e os três chegaram até a margem da Rodovia dos Minérios. A mãe dos jovens foi até o local para tentar apartar a briga e, ao tomar a frente das discussões, acabou sendo agredida pelo homem com um pedaço de madeira.

A Polícia Militar (PM) já tinha sido acionada, mas ainda estava a caminho, quando um justiceiro, que viu a briga, sacou uma arma e atirou contra o homem que agredia a mulher. Assim que a PM chegou, pediu apoio dos socorristas do Corpo de Bombeiros (CB). O soldado Valmor disse à Banda B que a mulher estava ferida, mas não corre risco de morte.

“Eram duas vítimas no local, infelizmente, um deles já estava em óbito. A mulher de 50 anos estava com ferimentos no rosto e no ombro, segundo o que nos falaram aqui, ela teria tentado defender um filho e por isso as agressões aconteceram. Ela não está grave, mas ser levada ao hospital”, descreveu.

O homem foi baleado no rosto, nas costas e não resistiu. O corpo foi recolhido ao Instituto Médico Legal (IML) de Curitiba. A mulher foi encaminhada ao Hospital Evangélico, onde já teria sido internada para tratar um câncer. A Polícia Militar fez buscas para encontrar o autor do crime, mas sem sucesso.

Fazenda Rio Grande

Também na região metropolitana, um jovem, em torno dos 25 anos, foi assassinado a tiros, no bairro Santa Terezinha, em Fazenda Rio Grande. O crime aconteceu na rua São Clemente. Moradores da região ouviram os tiros e viram o rapaz caído já morto, com um tiro na cabeça e outro no peito. O Corpo de Bombeiros foi chamado, mas a vítima já estava morta.

A vítima estava descalça e sem camisa, o que pode indicar que ela estava em algum local próximo de onde foi morta. O corpo do homem foi recolhido ao IML sem identificação oficial. O caso seguirá investigado pela Polícia Civil de Fazenda Rio Grande.

 

BANDAB

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Aécio Novitski

Idealizador do Site Araucária no Ar, Jornalista (MTB 0009108-PR), Repórter Cinematográfico e Fotógrafico licenciado pelo Sindijor e Fenaj sobre o número 009108 TRT-PR

Leia também

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.