Paraná

Governo autoriza concurso com 950 vagas para o INSS

O Ministério do Planejamento autorizou o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) a realizar concurso para o preenchimento de 950 vagas, das quais 800 de técnico e 150 de analista. A autorização foi publicada na edição desta segunda-feira (29) do Diário Oficial da União. A lotação das vagas não foi informada.

O cargo de técnico exige nível médio de escolaridade, e atualmente a remuneração inicial é de R$ 5.016,87. O posto de analista do seguro social, que hoje paga salário inicial de R$ 7.520,12, exige diploma de graduação em Serviço Social. Nos dois casos, os valores já incluem auxílio-alimentação de R$ 373.

A partir de agora, o INSS tem seis meses – até 29 de dezembro – para publicar o edital. Vale ressaltar que a autorização não significa que o concurso será realmente aberto no prazo. Em tempos de ajuste fiscal, várias seleções já liberadas têm sido adiadas pelo governo.

O número de vagas autorizado pelo Planejamento, aliás, foi bem inferior ao solicitado pelo INSS. Em agosto do ano passado, o instituto solicitou a abertura de 4.730 vagas.

O último concurso do INSS foi realizado há dois anos, com 300 vagas de analista. A última seleção para técnicos, com 1,5 mil vagas, foi em 2011.

Ameaça de greve

A Associação Nacional dos Servidores da Previdência e da Seguridade Social (Anasps) anunciou, no último dia 19, que entraria em greve a partir de 7 de julho – entre outras coisas, para exigir a realização do concurso que estava em análise no Ministério do Planejamento.

Gazeta do Povo

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Aécio Novitski

Idealizador do Site Araucária no Ar, Jornalista (MTB 0009108-PR), Repórter Cinematográfico e Fotógrafico licenciado pelo Sindijor e Fenaj sobre o número 009108 TRT-PR

Leia também

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.