Polícia

Fotógrafo é preso após acusação de estelionato imobiliário e em freelances de eventos

Rapaz foi detido pela Polícia Civil utilizando comprovantes de pagamento falsos

Um fotógrafo de 26 anos foi preso em flagrante pela Polícia Civil do Paraná na última terça-feira (14). Segundo informações da PCPR, o fotógrafo foi detido no Bairro Pinheirinho em Curitiba enquanto estava negociando a aquisição de um imóvel utilizando comprovantes de pagamento falsos.

O homem que mantem sua empresa de fotografia em Curitiba, mas atende principalmente a região de Contenda e Lapa, onde morava até pouco tempo, foi autuado por estelionato e falsificação de documento particular.

Ainda segundo a PCPR, ele já era investigado por realizar depósitos com envelope vazio para fotógrafos contratados de sua empresa (fotógrafos freelances), assim simulando que estava cumprindo com o combinado. “Fiz diversos trabalhos para ele, sempre que chegava a data combinada de receber ele depositava o valor, mas sempre com envelope vazio. Sei que ele fez isso comigo e com pelo menos mais cinco amigos, um descaso”, conta uma profissional.

No setor imobiliário, a Policia conta que ele adquiria imóveis através da falsificação de comprovantes de pagamento, sendo que o suspeito alugava para o imóvel para terceiros e iria mantendo a fraude até que os verdadeiros proprietários dos imóveis conseguissem reavê-los.

Nesta quarta-feira, pelo menos mais três pessoas realizaram um boletim de ocorrência contra o fotógrafo assim que ficaram sabendo da prisão do mesmo. Todas as vítimas compareceram a Delegacia de Estelionato onde o homem está preso. Todas vítimas possuem comprovação das fraudes realizadas.

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Aécio Novitski

Idealizador do Site Araucária no Ar, Jornalista (MTB 0009108-PR), Repórter Cinematográfico e Fotógrafico licenciado pelo Sindijor e Fenaj sobre o número 009108 TRT-PR

Leia também

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.