Araucária

Fiscalização do Meio Ambiente de Araucária resgata mula que sofria maus tratos

Na última semana, uma equipe de fiscalização da Secretaria Municipal do Meio Ambiente (SMMA), com auxílio da Sociedade Protetora dos Animais de Curitiba (SPAC), fez o resgate de uma mula vítima de maus tratos com ferimento na perna traseira direita. O responsável pelo animal já havia sido notificado pela SMMA a providenciar atendimento veterinário ao animal, o que não ocorreu.

A fiscalização da SMMA registrou a ocorrência na Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente (DPMA) e com a Guarda Municipal Ambiental do município fez a apreensão do animal que foi encaminhado a um Hospital Veterinário para exames e atendimento cirúrgico. O transporte e as despesas foram providenciadas pela SPAC, que também assumiu a guarda do animal.

De acordo com a SMMA, a primeira tentativa de resgate ocorreu no dia 27 de junho, mas o responsável a havia escondido o animal. Assim que estiver recuperada, a mula estará disponível para adoção. Caso alguém tenha interesse na adoção, basta entrar em contato pelo www.spacuritiba.org.br .

Crime – A lei de Crimes Ambientais prevê no artigo 32 que “praticar ato de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar animais silvestres, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos” pode resultar em detenção de três meses a um ano e multa. Já o Código Penal, no artigo 164, prevê detenção de 15 dias a 6 meses (ou multa) para a prática de abandono de animais. Denúncias de maus tratos (incluindo abandono) podem ser feitas via Secretaria Municipal de Meio Ambiente:(41) 3614-7480.

 

smcs

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Aécio Novitski

Idealizador do Site Araucária no Ar, Jornalista (MTB 0009108-PR), Repórter Cinematográfico e Fotógrafico licenciado pelo Sindijor e Fenaj sobre o número 009108 TRT-PR

Leia também

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.