Polícia

Empresário é preso com mais de 60 pássaros silvestres

A Polícia Civil do Paraná(PCPR) flagrou, na última quinta-feira, 7, mais de 60 aves em local inadequado em um comércio ilegal de animais, no bairro Novo Mundo, em Curitiba. A maior parte dos pássaros, da espécie calopsita, era mantida em um cômodo fechado, com apenas uma janela e pouco espaço para a quantidade de aves. Um homem de 27 anos foi autuado e responderá por comércio ilegal e maus-tratos.

A ação foi realizada pela PCPR em conjunto com fiscais da Rede de Proteção Animal da Prefeitura de Curitiba. Além das calopsitas, foram apreendidos cerca de 40 ninhos e 45 ovos. Do total de animais, 15 calopsitas, sendo quatro filhotes, foram encaminhados para o Centro de Apoio à Fauna Silvestre, no bairro Capão da Imbuia.

A PCPR chegou até às aves depois de receber uma denúncia anônima. Os maus-tratos foram constatados assim que os policiais e os fiscais da prefeitura chegaram no local. As aves estavam em um recinto totalmente fechado, o que é absolutamente contra indicado para aves.

As fiscalizações acerca de crimes ambientais devem ser intensificadas com o apoio de órgãos de fiscalização e controle e organizações de proteção animal.

 

Bem Paraná

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Ivone Souza - Redação

Ivone Souza é jornalista graduada pelo Centro Universitário Internacional Uninter. Foi repórter e produtora de conteúdos do Portal Mediação, redatora do site Uninter Notícias, escritora e cronista. Curte teatro, uma boa leitura e é apaixonada por viagens e fotografia.

Leia também

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.