Paraná

Em 21 anos, mortes por câncer sobem 97% no Paraná

No próximo domingo é marcado pelo Dia Mundial do Câncer, data criada pela União Internacional de Controle do Câncer e que busca levar as pessoas a refletirem sobre a doença. A ideia é evitar milhões de mortes por ano em decorrência da enfermidade, a segunda que mais mata no Paraná e uma das que mais tem crescido o número de óbitos ano a ano.

De acordo com o Ministério da Saúde, entre 1996 e 2016 o número de mortes em decorrência de neoplasias teve crescimento de 97,8% no Paraná, saltando de 7.009 para 13.860. Desde 2003 o número de óbitos tem só crescido ano a ano, sendo os cânceres dos brônquios e dos pulmões, estômago e próstata os que mais matam no estado.

Na manhã desta sexta-feira (2), inclusive, o Instituto Nacional do Câncer (INCA) lançará a publicação Estimativa 2018/2019: Incidência de Câncer no Brasil. O livro traz as estimativas de novos casos de 19 tipos de câncer mais incidentes na população brasileira e ajuda gestores da saúde a elaborar políticas públicas de prevenção, detecção precoce e tratamento da doença.

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Aécio Novitski

Idealizador do Site Araucária no Ar, Jornalista (MTB 0009108-PR), Repórter Cinematográfico e Fotógrafico licenciado pelo Sindijor e Fenaj sobre o número 009108 TRT-PR

Leia também

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.