Paraná

De cada dez, cinco a seis não passam de primeira no Detran

noticia_855509_img1_0504examePara muita gente, tirar a carteira de habilitação é um verdadeiro sonho, um dos ritos de passagem para a fase adulta mais marcantes de toda a vida. Mas nos últimos anos, conseguir a aprovação no exame prático de habilitação virou um verdadeiro pesadelo para algumas pessoas. Segundo dados do Departamento de Trânsito do Paraná (Detran-PR), em 2014, 53,86% das pessoas que tentaram tirar a carteira na categoria B (automóvel, caminhonete, camioneta, utilitário) e 35,15% na categoria A (motocicleta, ciclomotor, motoneta ou triciclo) acabaram “derrapando” na hora decisiva e tiveram de retornar às auto-escolas para um maior número de aulas práticas e, posteriormente, refazer o exame.

Segundo Valmir Moreschi, coordenador do 1º Ciretran (Circunscrição Regional de Trânsito), onde os futuros motoristas realizam os exames em Curitiba, os dois maiores problemas que atrapalham os candidatos na hora do “vamos ver” é o nervosismo e a falta de preparo. “O nervosismo e o preparo são fatores primordiais, e há candidatos que vem para o exame extremamente mal preparados. De cada dez candidatos, cinco ou seis voltam para casa sem carteira”, afirma.

Uma das maiores dificuldades que os candidatos enfrentam é na baliza. De acordo com Moreschi, metade das pessoas reprovam por não conseguir estacionar o veículo no tempo limite (cinco minutos) ou por bater no protótipo enquanto tenta posicionar o carro corretamente. “Hoje notamos que há uma dificuldade para estacionar o veículo. Muitos candidatos não conseguem, e aí fica bem claro a falta de preparação”, comenta.

Se a pessoa passar pela baliza, ela será avaliada circulando em vias. Ali, o examinador tem a oportunidade de verificar como a pessoa se comporta na rua e se ele tem, de fato, condições de dirigir um carro. “Em vias públicas, os problemas mais comuns são a falta de observar a sinalização, excesso de velocidade, conversões erradas, falta de atenção. Ele (o candidato) pode cometer até três pontos negativos, a partir disso já está inapto. E tem faltas que são eliminatórias, como encostar nos protótipos no balizamento ou não atender a sinalização de parada obrigatória”, explica Moreschi.

Dicas para ir bem
O candidato à primeira habilitação deve seguir algumas dicas para enfrentar o dia do exame.

– Durma cedo na noite anterior para estar com os reflexos “em dia”.

– Crie um roteiro com o que você deve fazer assim que entrar no carro: posicionar os espelhos, arrumar o banco colocar o cinto.

– Mantenha a tranquilidade e não tenha pressa. Você precisará apenas reproduzir o que já fez durante suas aulas na auto-escola.

– Use roupas e sapatos confortáveis.

– Antes do exame, dê uma volta (se possível com o veículo de sua auto-escola) pela região onde será feito a prova.

Bem Paraná

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Aécio Novitski

Idealizador do Site Araucária no Ar, Jornalista (MTB 0009108-PR), Repórter Cinematográfico e Fotógrafico licenciado pelo Sindijor e Fenaj sobre o número 009108 TRT-PR

Leia também

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.