Araucária

Cuidadores de Araucária participam de projeto para melhoria de qualidade de vida

Na sexta-feira (09), cuidadores se reuniram na associação de moradores da Vila Angélica e trocaram experiências com diversos profissionais, dentre nutricionistas, farmacêuticos, fisioterapeutas, psicólogos, assistentes sociais e com a coordenadora da unidade de saúde da Vila Angélica. A iniciativa intitula-se “Vivendo com Qualidade de Vida” e é destinada a cuidadores de pessoas com alto grau de dependência, como idosos e pessoas com deficiência.

Durante dois encontros, o grupo de cuidadores participou de atividades com profissionais do Hospital Municipal e da rede municipal, que abordaram questões relacionadas à autoestima e também dicas para que o cuidador também possa cuidar da própria saúde. Com isso, também foi possível auxiliar os cuidadores em relação às dúvidas e dificuldades que eles têm no dia a dia quando estão cuidando de um parente ou amigo.

Linda Franco, de 38 anos, há 7 anos virou mãe cuidadora, quando descobriu que seu filho Gabriel tinha uma doença rara: a Adrenoleucodistrofia, conhecida pelo filme Óleo de Lorenzo. “Eu achei muito interessante a proposta. Como cuidadores, esquecemos de nós. Lembrei de mim como pessoa. Fiquei arrepiada no final na apresentação de teclado e de violino. Além de abordarem assuntos importantes, mexeu com minha autoestima”, relata. Linda comenta ainda que tem interesse em fazer outros cursos se mais turmas forem fechadas.

Segunda turma
A turma da Vila Angélica foi a segunda capacitada nesta primeira etapa do projeto. A primeira oficina aconteceu com cuidadores do Thomaz Coelho. A intenção dos profissionais é dar continuidade do trabalho iniciado para outros bairros.

Ideia
O projeto surgiu a partir da necessidade observada de acolher e orientar os cuidadores de idosos e de pessoas com deficiência física, que, muitas vezes, abdicam de suas vidas sociais para cuidar, em período integral, do familiar/parente. Desta forma, o objetivo da ação foi proporcionar aos cuidadores uma atenção complementar àquela já recebida nas unidades básicas de saúde e nos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS). Além disso, outro resultado esperado com essa ação é que tanto o cuidador quanto o paciente tenham uma melhor qualidade de vida.

Foto: Carlos Poly/SMCS

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Aécio Novitski

Idealizador do Site Araucária no Ar, Jornalista (MTB 0009108-PR), Repórter Cinematográfico e Fotógrafico licenciado pelo Sindijor e Fenaj sobre o número 009108 TRT-PR

Leia também

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.