Brasil

Casos de infarto crescem até 38% no inverno

InfartoO inverno também é de maior preocupação com a saúde. Mas não são apenas os problemas respiratórios que chamam a atenção. Durante a estação mais fria do ano cresce até 38% a incidência de infarto. O principal motivo é porque com o clima frio diminui o fluxo de sangue que nutre o coração.

Uma das principais causas de morte no Brasil, o infarto do miocárdio ocorre quando parte do coração não recebe sangue com oxigênio em quantidade suficiente, causando a morte do músculo cardíaco. Durante o inverno, a incidência de infarto do coração pode aumentar entre 10% a 38%, uma vez que, de acordo com André Bernardi, cardiologista do Hospital Marcelino Champagnat, o frio faz com que as veias e artérias se contraiam e, consequentemente, aumente a pressão arterial, o que acelera os batimentos cardíacos e obriga o sistema circulatório a trabalhar mais.

Segundo Bernardi, “o organismo realiza o aceleramento das batidas para manter a temperatura do corpo, e com isso, o sangue que circula é mais viscoso e apresenta mais chances de coagulação”. Isso ocorre preferencialmente em pacientes com fatores de risco para infarto: sedentarismo, tabagismo, hipertensos, diabéticos e aqueles com colesterol alto.

O inverno está associado ao aumento dos casos de doenças cardíacas e da mortalidade cardiovascular, também alerta o diretor da Sociedade de Cardiologia do Estado do Rio de Janeiro (Socerj), Claudio Tinoco: estudos mostram que a cada queda de dez graus de temperatura, há aumento da incidência de complicações cardíacas em torno de 30% a 40%.

Alguns motivos contribuem para isso. O primeiro é o aumento das infecções respiratórias que ocorrem na época do inverno. Gripes e resfriados provocam uma sobrecarga no sistema circulatório. “O coração tem que trabalhar mais, bombear mais sangue para atender às necessidades. Além disso, a infecção agride os vasos na sua superfície de recobrimento mais interno, chamado endotélio, e este fica mais vulnerável a processos de trombose, seja o acidente vascular cerebral (AVC), popularmente conhecido como derrame, seja o infarto do miocárdio ou ataque cardíaco”, diz o médico.

Bem Paraná

 

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Aécio Novitski

Idealizador do Site Araucária no Ar, Jornalista (MTB 0009108-PR), Repórter Cinematográfico e Fotógrafico licenciado pelo Sindijor e Fenaj sobre o número 009108 TRT-PR

Leia também

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.