ParanáPolícia

Casal de idosos é torturado e morto dentro de casa na RMC

Um casal de idosos foi encontrado morto dentro de casa em Almirante Tamandaré, na região metropolitana de Curitiba, no começo da tarde desta terça-feira (14). O crime chocou os moradores da Rua Helena Vaz, no Jardim Maria Cláudia.

A mulher, identificada apenas como Marlene, de 70 anos, estava em cima da cama e com os pulsos amarrados. Ela tinha, ainda, um pano no pescoço, possivelmente usado para asfixiá-la, e ferimentos de faca no rosto. Já Francisco Ribeiro, de 90 anos, foi encontrado caído no chão com oito machucados profundos também provocados por faca.

“Ele estava com um pedaço de pano na boca, provavelmente para impedir que gritasse. Nós ainda não sabemos o motivo do crime. Existe a possibilidade de que tenha sido um roubo, mas tudo isso precisa ser investigado”, comentou o sargento Edson, da Polícia Militar (PM), em entrevista.

Segundo Andréia Aparecida de Souza, uma vizinha do casal, Francisco foi visto pela última vez no sábado (11) à tarde, quando saiu para comprar algo para comer. “Depois disso, eu não o vi mais. Toda a vizinhança costuma ir à igreja no final de semana à noite e deve ter sido nesse momento que o assassinato aconteceu. Nós não ouvimos nada de diferente”, disse ela.

Francisco morava na Rua Helena Vaz há mais de duas décadas e Marlene teria se mudado para viver com ele há cerca de três anos. Os corpos dos dois foram recolhidos ao Instituto Médico Legal e a delegacia da cidade deve investigar o caso.

BandaB

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Tags

Aécio Novitski

Idealizador do Site Araucária no Ar, Jornalista (MTB 0009108-PR), Repórter Cinematográfico e Fotógrafico licenciado pelo Sindijor e Fenaj sobre o número 009108 TRT-PR

Leia também

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.