Araucária

Bombeiros civis fazem trabalho de prevenção em festa das comunidades de Araucária e protestam contra suposto calote

Bombeiros civis* da Grande Curitiba se reuniram na manhã desta quinta-feira (8) para protestar contra o calote que afirmam ter sofrido de uma empresa de vigilância e segurança. Durante três dias, eles atuaram na prevenção de incêndio e primeiros socorros na festa da Comunidade em Ação 2016, em Araucária, mas ainda não receberam o pagamento pelo serviço.

“Nós fomos convocados por essa empresa, por meio de uma documentação por e-mail, e em 26, 27 e 28 de agosto trabalhamos na festa, com turnos de 10 a 12 horas por dia. O que foi acordado é que receberíamos o dinheiro quatro dias após o evento. Só que ainda não vimos a cor dele”, disse Fernando Lourenço da Silva, bombeiro civil há mais de três anos.

Segundo ele, mais de 40 trabalhadores estão sem pagamento. Desde que o grupo decidiu se mobilizar contra o calote, iniciou-se um jogo de ‘empurra-empurra’, acusou o bombeiro. “Os contratos não foram nem fornecidos para a gente e a empresa disse que não era responsável pelo pagamento, repassando para outra corporação. A briga fica nisso e ninguém recebe”, completou.

A brigadista Érica Santos, de 31 anos, também está entre os trabalhadores prejudicados. Desempregada, ela sustenta a família com as taxas que cobra atuando em eventos. “Nós tivemos um baita prejuízo, ninguém me avisou que era uma ação voluntária. Não fomos lá de graça e queremos o nosso dinheiro. Eu tenho dois filhos para criar”, desabafou.

De acordo com os manifestantes, as empresas que realizaram a contratação se reuniram nesta quarta-feira (7) e se comprometeram, por meio de uma carta, quitar a dívida com os bombeiros civis. Sobre o caso, a redação do Araucária no Ar conseguiu contato com um dos organizadores do eventos que nos afirmou que na data de ontem (07) foi lavrado um documento onde a empresa se compromete em pagar os honorárias até o dia 26 de setembro. Abaixo o documento que nos foi enviado pela organização:whatsapp-image-2016-09-08-at-09-05-33

 

*Bombeiro civil é um brigadista particular que pode ser contratado para atuar em empresas públicas e privadas. Ele não precisa de concurso público, o contrário do bombeiro militar, mas passa por cursos na área para conseguir a qualificação.

 

Informações: BandaB e Redação Araucária no Ar

Foto Capa: Reprodução Facebook

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Aécio Novitski

Idealizador do Site Araucária no Ar, Jornalista (MTB 0009108-PR), Repórter Cinematográfico e Fotógrafico licenciado pelo Sindijor e Fenaj sobre o número 009108 TRT-PR

Leia também

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.