Araucária

Araucária oferece serviço gratuito e sigiloso de prevenção e diagnóstico de DSTs

Araucária conta com um serviço muito importante para prevenir e diagnosticar as chamadas doenças sexualmente transmissíveis (DSTs). Trata-se do Serviço de Orientação e Aconselhamento (SOA), que, além de orientar e aconselhar, como o próprio nome diz, também realiza testes rápidos para AIDS, Sífilis e Hepatites Virais (Hepatite B e Hepatite C) e faz o acompanhamento e tratamento nos casos de AIDS e das Hepatites.

Chegando ao SOA, a pessoa é orientada sobre as DSTs e aconselhada sobre a importância de se prevenir. Os principais cuidados são: usar camisinha (masculina ou feminina) durante as relações sexuais, inclusive no sexo oral, e não compartilhar equipamentos para uso de drogas (agulhas e seringas, por exemplo) e outros objetos que furam ou cortam, como os usados para fazer tatuagem, colocar piercing e fazer as unhas.

As grávidas também precisam se cuidar, pois algumas doenças podem ser transmitidas para o bebê antes do parto, como a AIDS e a Sífilis (o vírus HIV causador da AIDS e o agente causador da Sífilis podem atravessar a placenta e infectar o feto no útero), e durante o parto, como Gonorreia, Clamídia, Hepatite B e Herpes Genital. Por isso, o uso da camisinha e o não compartilhamento de equipamentos e objetos é muito importante também para as gestantes, assim como o acompanhamento durante a gravidez.

Durante essa conversa, os profissionais do SOA explicam a importância de ficar atento à sinais e sintomas de DSTs, fazem um levantamento de riscos e avaliam a necessidade de fazer os testes rápidos. Depois, com os resultados em mãos, a pessoa é novamente orientada e aconselhada, caso os testes sejam negativos, ou encaminhada para acompanhamento e tratamento das doenças, caso os resultados sejam positivos.

Para a coordenadora do SOA, Cleonice Aparecida de Oliveira, prevenir e diagnosticar rápido são as melhores opções quando o assunto é DST. “As pessoas precisam se cuidar mais para minimizar os riscos. E é muito importante diagnosticar precocemente essas doenças que podem ser controladas, pois, quando o diagnóstico é tardio, a resposta ao tratamento nem sempre é a melhor e a pessoa ainda fica suscetível às chamadas doenças oportunistas”, explica.

Estatísticas
O Serviço Especializado no Atendimento de HIV/Aids e Hepatites Virais do Município de Araucária tem 512 pacientes cadastrados com HIV e atualmente acompanha 332 pacientes. Os 178 pacientes restantes, estão em situação de transferência (52), abandono do tratamento (69) e óbitos (54). O SOA tem ainda mais 219 pacientes cadastrados infectados com o vírus da Hepatite B ou C.

Em 2014 foram 53 novos casos diagnosticados com HIV somente no serviço público, muito superior ao registrado nos anos anteriores, quando a média de casos novos era de 25 casos/ano. Em 2015, até o mês de setembro, foram 27 novos casos diagnosticados no SOA.

Serviço
O atendimento realizado pelo SOA é gratuito e sigiloso. Para fazer os testes rápidos não é preciso encaminhamento médico prévio, nem estar em jejum, basta levar um documento com foto. O sangue é coletado por punção digital (uma picada na ponta do dedo) e os resultados ficam prontos entre 15 e 30 minutos. Endereço: Rua Guilherme de Motta Correa, nº 55 – Centro (complexo do NIS) Telefone: 0800 643 4125 Horário: de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h.

 

SMCS / Foto Carlos Poly

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Aécio Novitski

Idealizador do Site Araucária no Ar, Jornalista (MTB 0009108-PR), Repórter Cinematográfico e Fotógrafico licenciado pelo Sindijor e Fenaj sobre o número 009108 TRT-PR

Leia também

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.