Paraná

Após atrasos constantes, empresas de ônibus pagam salários no 5º dia útil mesmo sem ainda receber reajuste

Bastou a prefeitura de Curitiba anunciar o reajuste da tarifa de ônibus, de R$ 3,70 para R$ 4,25, para as empresas de ônibus de Curitiba e região fazerem o depósito de forma integral a motoristas e cobradores, sem os atrasos parciais que vinham ocorrendo há meses. A normalização aconteceu mesmo antes do repasse com o aumento ser feito às empresas, o que deve ocorrer só a partir de 26 de fevereiro. Desta vez, no pagamento de janeiro,  nenhuma empresa atrasou o pagamento nesta terça-feira (7), quinto dia útil do mês.

A informação foi confirmada pelo Sindimoc (Sindicato dos Motoristas e Cobradores de Curitiba e região). De acordo com o sindicato, apenas a Expresso Azul Filial  e Araucária filial ainda não depositaram o vale-mercado, mas todas fizeram o depósito do salário.

A database da categoria está marcada para este mês de fevereiro e os motoristas e cobradores querem um reajuste de 15%. Após o reajuste, a URBS afirmou que este aumento será usado para a melhoria no transporte coletivo, especialmente na frota, não deixando claro que isso diminuiria o risco de paralisações.

Manifestação

A manifestação contra o aumento da passagem em 14,9% na noite desta segunda-feira (6), no Centro de Curitiba, teve atos de vandalismo contra agências bancárias e também estações-tubo. Na Praça Carlos Gomes, uma cobradora foi espancada e precisou ser socorrida, com ferimentos moderados, pelo Siate do Corpo de Bombeiros.

Prisões

De acordo com a polícia, 11 pessoas foram detidas e encaminhadas à delegacia. Objetos com facas, sprays de tinta e pedaços de pedras foram encontrados com os suspeitos.

Assista ao vídeo manifestação:

BandaB

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Aécio Novitski

Idealizador do Site Araucária no Ar, Jornalista (MTB 0009108-PR), Repórter Cinematográfico e Fotógrafico licenciado pelo Sindijor e Fenaj sobre o número 009108 TRT-PR

Leia também

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.