Brasil

Agora todas as farmácias do Brasil podem oferecer o serviço de vacinação

Agora todas as farmácias e drogarias do Brasil poderão oferecer o serviço de vacinação. Sendo que já era regulamentado  em alguns estados, como São Paulo, Santa Catarina, Paraná, Minas Gerais e Distrito Federal.

A resolução que garente o serviço para todo o país foi aprovada terça-feira (12) pela diretoria colegiada da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). A decisão será publicada no Diário Oficial da União nos próximos dias.

Além disso, essa nova  resolução também estabelece exigências para os estabelecimentos de saúde que vão oferecer o serviço. Esses devem estar inscritos no Cadastro  Nacional  dos Estabelecimentos de Saúde (CNES), devem disponibilizar o calendário nacional de vainação os tipos de medicamentos disponíveis oas clientes.

Também é obrigatório a designação de um responsável técnico e  contratação de profissionais habilitados para aplicar vacinas, com a realização de capacitação constantes. As intalações precisam ser adequadas e seguir parâmetros estabelecidos nas normas do setor, como ambiente refrigerado para armazenar as vacinas e cuidados nos transportes dos materias para não prejudicar a qualidade.

As regras aprovadas pela Anvisa também preveem obrigatoriedade de registro das informações nos cartões de vacinação e de erros ou problemas no sistema da agência e liberdade para emitir Certificados Internacionais de Vacinação.

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Aécio Novitski

Idealizador do Site Araucária no Ar, Jornalista (MTB 0009108-PR), Repórter Cinematográfico e Fotógrafico licenciado pelo Sindijor e Fenaj sobre o número 009108 TRT-PR

Leia também

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.