Curitiba

Ação integrada flagra 212 pessoas e interdita cinco pontos comerciais em Curitiba

O trabalho dos policiais militares pela Ação Integrada de Fiscalização Urbana (AIFU) desta sexta-feira (18) resultou em cinco pontos comerciais interditados dos nove fiscalizados em Curitiba. As equipes flagraram 212 pessoas nos locais abordados e uma foi presa. As atividades iniciaram às 18h30 e se estenderam durante a madrugada.

A AIFU percorreu 14 bairros da Capital para verificar o cumprimento das medidas sanitárias de enfrentamento ao coronavírus e atender denúncias de irregularidades como aglomeração de pessoas e o funcionamento de estabelecimentos comerciais que prestam serviços não essenciais, entre outras.

Na ação foram apreendidos 44 maços de cigarros, analgésicos para cavalos e dois gramas de maconha.

As equipes da AIFU lavraram 16 autuações administrativas e oito infrações de trânsito, além de recolherem dois veículos ao pátio. Das 212 pessoas encontradas, 33 foram abordadas pelos policiais militares.

Durante a abordagem a uma distribuidora de bebidas no bairro Boqueirão, 25 carteiras de cigarros contrabandeados foram apreendidas para serem entregues à Receita Federal.

Na Cidade Industrial de Curitiba, os policiais militares estiveram em uma tabacaria e localizaram oito gramas, separadas em 25 papelotes, de um tipo de analgésico para cavalo e um invólucro de maconha. Um rapaz de 19 anos foi preso por tráfico de drogas.

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Ivone Souza - Redação

Ivone Souza é jornalista graduada pelo Centro Universitário Internacional Uninter. Foi repórter e produtora de conteúdos do Portal Mediação, redatora do site Uninter Notícias, escritora e cronista. Curte teatro, uma boa leitura e é apaixonada por viagens e fotografia.

Leia também

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.