Brasil

A pedido de brasileiro, papa autoriza debate sobre padre casado

O papa Francisco teria autorizado o início de um debate interno dentro da Igreja Católica para permitir que homens casados se tornem padres na Amazônia brasileira, informou nesta quinta-feira (2) a imprensa europeia. O pontífice deu a autorização para a discussão após pedido do cardeal brasileiro Cláudio Hummes, de acordo com os jornal italiano “Il Messaggero” e o britânico “The Telegraph”.

A expectativa é que a medida aumente o número de padres nas regiões mais afastadas da Amazônia, onde atualmente faltam sacerdotes. A ideia de transformar em padres os chamados “viri probati” -homens casados, aposentados e com histórico de compromisso com a Igreja- circula há décadas, e sua retomada mais recente é mais um indicativo das intenções do papa Francisco de flexibilizar algumas tradições do catolicismo.

Para a proposta ser implementada, ela precisa ser aprovada pelos bispos brasileiros. Ainda não há uma data para que isso aconteça. O Vaticano não se manifestou oficialmente sobre o assunto. Uma possível autorização para padres casados deve ser um dos principais assuntos do Sínodo dos bispos sobre a Amazônia que vai ocorrer em outubro de 2019 em Roma O papa já tinha declarado em março, em uma entrevista ao jornal alemão “Die Zeit”, que estava aberto a “estudar” a possibilidade de homens casados virarem padres como alternativa à escassez de sacerdotes, principalmente em comunidades remotas.

“Nós também devemos determinar quais seriam suas funções, por exemplo em áreas remotas”, detalhou o pontífice, ressaltando que a ordenação de homens casados não pode ser encarada como solução para a falta de padres na Igreja. Francisco já havia indicado em 2014 que o celibato de padres “não é um dogma” da Igreja.

 

FOLHA PRESS

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Aécio Novitski

Idealizador do Site Araucária no Ar, Jornalista (MTB 0009108-PR), Repórter Cinematográfico e Fotógrafico licenciado pelo Sindijor e Fenaj sobre o número 009108 TRT-PR

Leia também

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.