Paraná

Urbs vai vender créditos do transporte coletivo nos terminais de ônibus

Os usuários do sistema de transporte de Curitiba poderão comprar créditos do cartão-transporte também nos terminais de ônibus. A opção deve entrar em vigor em até 30 dias. O sistema de recarga de créditos deve ser instalado nos 22 terminais de ônibus da cidade.

A recarga não terá custo e será validada imediatamente. Por mês, circulam cerca de 15 milhões de passageiros na rede de transporte de Curitiba. “A medida vai facilitar a vida do usuário. Ele recarrega no terminal e já pode usar o crédito imediatamente”, explica o presidente da Urbs, Ogeny Pedro Maia Neto.

Outras opções

A Urbs vem expandindo os meios de venda dos créditos com objetivo de modernizar o sistema de transporte da capital. Em julho, a Prefeitura credenciou empresas de aplicativos para a venda de créditos. Em pouco mais de um mês, foram vendidos R$ 300 mil de créditos pelas duas empresas credenciadas até agora – RecargaPay e Qiwi.

Além dos terminais e aplicativos, os usuários podem carregar seus créditos de transporte em mais de 30 bancas credenciadas e no aplicativo Curitiba App. Com expansão das vendas de créditos para os terminais, a atividade será desativada na sede da Urbs, na Rodoferroviária, a partir da próxima segunda-feira (16/9).

O posto de venda mais próximo da Rodoferroviária é a Banca Baden Powell, que fica a 400 metros, na esquina da Rua Mariano Torres com Avenida Affonso Carmargo, na praça Baden Powell.

Banda B

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Ivone Souza - Redação

Ivone Souza é jornalista graduanda pelo Centro Universitário Internacional Uninter. Foi repórter e produtora de conteúdos do Portal Mediação, redatora do site Uninter Notícias, escritora e cronista. Curte teatro, uma boa leitura e é apaixonada por viagens e fotografia.

Leia também

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.