Paraná

Motoristas e cobradores decidem não aderir à greve geral e ônibus vão circular normalmente

Os motoristas e cobradores de ônibus decidiram não aderir à greve geral contra a Reforma da Previdência e os ônibus vão circular normalmente em Curitiba e região metropolitana nesta sexta-feira (14).
De acordo com o Sindicato dos Motoristas e Cobradores de Ônibus de Curitiba e Região Metropolitana (Sindimoc), assembleias foram realizadas nas empresas para consultar a categoria sobre a adesão nas atividades. “A decisão da maioria dos trabalhadores foi não paralisar”, informou a entidade sindical.
A greve geral foi anunciada no ato unificado do Dia Internacional do Trabalho, em 1º de maio, e é organizada pela CUT, CTB, Força Sindical, CGTB, CSB, UGT, Nova Central, CSP- Conlutas e Intersindical.
O ato desta sexta critica as mudanças na Previdência propostas pelo governo Jair Bolsonaro. No Paraná, por exemplo, já anunciaram adesão à paralisação os professores das redes estadual e municipal, professores e servidores da UFPR e UTFPR, bancários, metalúrgicos, policiais civis, petroleiros, entre outros. Os trabalhadores da coleta de lixo de Curitiba confirmaram apoio e participação nos protestos, mas o serviço não será paralisado.
Em Curitiba, a concentração está marcada para 11 horas no Palácio Iguaçu. Já o ato unificado está marcado para 14 horas para a Praça Santos Andrade.

Banda B

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Ivone Souza - Redação

Ivone Souza é jornalista graduanda pelo Centro Universitário Internacional Uninter. Foi repórter e produtora de conteúdos do Portal Mediação, redatora do site Uninter Notícias, escritora e cronista. Curte teatro, uma boa leitura e é apaixonada por viagens e fotografia.

Leia também

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.